Institucional

Perfil da empresa

Ceran – Companhia Energética Rio das Antas é a empresa responsável pela construção e operação do Complexo Energético Rio das Antas, situado na região Nordeste do Rio Grande do Sul. O Complexo é formado pelas usinas hidrelétricas Monte Claro (130 MW), Castro Alves (130 MW) e 14 de Julho (100 MW).

Logo CEEE Logo CPFLLogo Statkraft


A Ceran tem como investidores a CPFL - Geração de Energia S.A. (65 %), a Companhia Estadual de Geração e Transmissão de Energia Elétrica – CEEE-GT (30 %) e a Statkraft Energias Renováveis S.A. (5 %), organizações com forte reconhecimento e credibilidade no mercado.

Mapa regiao

O empreendimento agrega 360 MW de potência ao Sistema Interligado Nacional. Essa potência é equivalente ao consumo dos oito municípios da área de influência do Complexo: Antonio Prado, Bento Gonçalves, Cotiporã, Flores da Cunha, Nova Pádua, Nova Roma do Sul, Pinto Bandeira e Veranópolis, além de Carlos Barbosa, Caxias do Sul e Farroupilha. A energia assegurada pelas três usinas é suficiente para atender 630 mil famílias, com consumo médio residencial de 200 kWh/mês.

O objeto social da Ceran é a implantação e a exploração dos aproveitamentos hidrelétricos Monte Claro, Castro Alves e 14 de Julho, e das atividades correlatas e auxiliares.

A concessão para exploração do potencial energético, por 35 anos, foi objeto do Decreto de Outorga datado de 19 de fevereiro de 2001, publicado no Diário Oficial da União em 20 de fevereiro do mesmo ano. O Contrato de Concessão que regula as condições para exploração dos aproveitamentos foi assinado em 15 de março de 2001, estabelecendo à Ceran a condição de Concessionária de Produção Independente de Energia Elétrica e atribuindo-lhe todas as prerrogativas, direitos e obrigações pertinentes, nos termos da legislação federal em vigor.

Agentes financeiros

A construção do Complexo Energético Rio das Antas conta com financiamento do BNDES - Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social e dos agentes repassadores Banco do Brasil, BRDE - Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul, Badesul e Banrisul.